You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Agility se reinventa para atender ao mercado de tecnologia em todas as fases do ciclo de vida das aplicações

Agility se reinventa para atender ao mercado de tecnologia em todas as fases do ciclo de vida das aplicações

A Agility, empresa de inteligência em tecnologia que integra serviços e soluções, está se transformando junto ao mercado. Com isso, busca uma abordagem consultiva com foco nas áreas de infraestrutura e segurança para o ciclo de vida das aplicações.

A expertise de quase 30 anos no mercado nacional de tecnologia possibilita à Agility oferecer as melhores soluções em todas as etapas do ciclo de vida da aplicação: do desenvolvimento do código à experiência do usuário em ambiente multicloud.

A nova abordagem tem como base as práticas de Infraestrutura de Automação e Aplicativos, que cuida de Desenvolvimento de Aplicação, Experiência Digital, Gerenciamento de I&O e Core Networking Services; e Segurança e Governança, que trata de Riscos e Vulnerabilidades, Segurança de Aplicações e Governança de Identidade.

“Nosso objetivo é ajudar os clientes a transformar tecnologia em negócio. Mercados de todas as áreas estão passando por mudanças sensíveis no modus operandi e a automação é cada vez mais a realidade das empresas. Para realizar a automação de forma eficaz é importante ter um olhar para a infraestrutura e para a segurança já no começo do desenvolvimento”, explica Fabio Soto, CEO da Agility.

Anteriormente diretor executivo focado em Cibersegurança, Soto assumiu o cargo de CEO, enquanto Carlos Teixeira, fundador da Agility, segue como presidente.

A Agility prossegue em sua área de atuação com capacidade de construir programas de sucesso para seus clientes. “Vamos além do fornecimento de produtos e serviços, já que acompanhamos nossos clientes durante toda a jornada de implementação e uso da tecnologia. Dessa maneira, asseguramos o que é mais importante: a entrega contínua de valor para as operações”, finaliza Fabio Soto.