You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Aplicativo inclui pontos de coleta de doação para catadores de materiais recicláveis

Aplicativo inclui pontos de coleta de doação para catadores de materiais recicláveis

Enquanto ainda é recomendado para as pessoas da maioria dos países que fiquem em casa o máximo possível durante a pandemia do Covid-19, algumas profissões não podem se dar a esse luxo. Os catadores de materiais recicláveis são um exemplo. Eles dependem de seu trabalho diário nas ruas para seu sustento e de sua família, colocando-os em perigo de serem contaminados.

Com isso em mente, o Pimp My Carroça – ONG que luta pelo reconhecimento social e econômico desses trabalhadores – imaginou maneiras de ajudá-los a ter alguns artigos de subsistência, como dinheiro, comida e produtos de higiene. Pra atingir esse objetivo, a ONG adicionou em seu aplicativo Cataki a possibilidade de inscrever pontos de doação que estejam reunindo artigos para os catadores.

Além disso, o app possui textos pedindo para que as pessoas pensem duas vezes antes de chamar um catador somente para recolher os resíduos de sua casa e prefiram, nesse caso, fazem uma doação nos pontos de coleta existentes na plataforma. Desse modo, colaboram com esses trabalhadores sem colocá-los em perigo de contaminação.

Sobre o movimento Pimp My Carroça

É um movimento que atua desde 2012 para tirar os catadores de materiais recicláveis da invisibilidade - e aumentar sua renda - por meio da arte, sensibilização, tecnologia e participação coletiva. Desde o seu início, mais de 2.000 catadores/as foram atendidos, mobilizando cerca de 1.200 grafiteiro(as) e aproximadamente de 2.500 voluntário(as) - além de 23 cooperativas de catadores que receberam mutirões de pintura. As ações do projeto foram replicadas em cerca de 50 cidades de 14 países diferentes, como Colômbia, Argentina, EUA e Marrocos. Em 2017, o Pimp My Carroça lançou o premiado app Cataki.

Sobre o Cataki

Lançado em julho de 2017 pela ong Pimp My Carroça, o Cataki é o aplicativo que faz a conexão direta entre o gerador de resíduos e o catador de materiais recicláveis. Ao baixar o app, o usuário visualiza o catador mais próximo da sua localização e o chama para que ele venha coletar seus recicláveis. O objetivo do Cataki é aumentar dois fatores simultaneamente: a renda dos catadores e os índices de reciclagem do Brasil.

O app adaptou seu objetivo por conta do coronavírus: enquanto a pandemia durar, a ideia é que os usuários do Cataki utilizem a plataforma não para solicitar coletas de reciclagem, mas sim para realizar doações de dinheiro, kits de higiene e alimentos pros catadores.

Disponível gratuitamente para iOS e Android, o app permite que o usuário visualize o profissional da reciclagem mais próximo e negocie a retirada e o pagamento pelo serviço. Em 2018, durante evento na sede da UNESCO em Paris, o app ganhou o prêmio Netexplo de Inovação Digital, sendo apontado como a principal plataforma digital de impacto social entre as duas mil iniciativas do mundo todo que participaram da premiação. Com mais de 45 mil votos, o Cataki é também o vencedor do Chivas Venture 2019, na categoria People’s Choice. A premiação é global e reconhece iniciativas tecnológicas de impacto socioambiental.

Atualmente há aproximadamente 3.000 catadores conectados na plataforma - e espalhados por mais de 530 cidades do Brasil. Até hoje, já foram realizados mais de 200 mil downloads do Cataki.