Sobre Newsletter Torne-se um polinizador Mural de vagas Eventos Politalks Polissocial
Sign-in
/ Tecnologia

Austrália usará os mapas da Here Technologies

País está trabalhando no mapeamento completo de rodovias em alta definição usando o Sistema de Aumento Baseado em Satélites

Os veículos sensores facilitam a tarefa de mapeamento de rodovias e ruas. Equipados com radares, sonares, câmeras 360 e GPS, esses veículos capturam grandes quantidades de dados sobre as estradas a partir da perspectiva do carro. Mas a fraqueza dessa abordagem é o GPS. Os dados que os carros sensores coletam são precisos, mas as coordenadas exatas de cada ponto de captura de dados podem estar a até 09 metros de distância - não suficientemente preciso para veículos autônomos.

Para resolver esta questão, a resposta está em adicionar SBAS (Sistema de Aumento Baseado em Satélites) à mistura. Pela primeira vez, a Austrália está transmitindo sinais SBAS de segunda geração para corrigir automaticamente dados de localização que permitem carros e veículos autônomos nas estradas de qualquer lugar do país porque aumenta à precisão dos pontos de 09 metros para 10 centímetros.

O teste deste sistema faz parte de uma parceria com a HERE Technologies e o Centro de Pesquisa Cooperativa para Informação Espacial da Austrália e Nova Zelândia.
A Austrália vê o futuro nos serviços autônomos, mas seus objetivos são inteligentemente controlados. Permitir que carros autônomos percorram todo o país é o objetivo de longo prazo. No curto prazo, os motoristas australianos receberão informações confiáveis para navegar de forma eficiente, bem como suporte para operações aprimoradas de veículos e ADAS (Sistemas Avançados de Assistência ao Motorista).
NPI-technical-for-web23-copy

Empresas e organizações de dez setores da indústria, incluindo a agricultura, aviação, construção, consumo, marítimo, ferroviário, rodoviário, recursos, espacial e utilitário também participarão, com mais de 30 projetos específicos.

O teste destina-se a examinar o desempenho da tecnologia diretamente em todos os setores; requisitos atuais específicos e como eles interagem com a tecnologia, e futuras inovações específicas que podem alavancar a tecnologia. O resultado do estudo determinará em parte se a Austrália e a Nova Zelândia devem desenvolver um SBAS operacional.

“Temos a satisfação de continuar trazendo inovações ao transporte para a Austrália e Nova Zelândia, e estamos ansiosos para trazer a direção de precisão para motoristas e veículos autônomos em todo o país”, comenta Vinícius Ferreira, gerente sênior de produto da HERE Technologies.

Austrália usará os mapas da Here Technologies
Share article