You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
CLM passa a distribuir Varonis na AL

CLM passa a distribuir Varonis na AL

Plataforma de análise detecta tanto vazamento de dados dentro da organização como ataques cibernéticos externos

A CLM, distribuidor de valor agregado que atua na América Latina, fecha parceria com a Varonis, empresa de segurança e análise de dados. O acordo inclui as soluções da norte-americana no portfólio da VAR brasileira, que informa que todas suas revendas de segurança na AL podem se certificar para comercializar os produtos da nova parceira. O CEO da CLM, Francisco Camargo, explica que as soluções da Varonis equacionam a possibilidade de vazamento de dados internos e resolvem os dois problemas principais de uma organização, identificando automaticamente os dados sensíveis e os colaboradores que têm acesso a eles.

Varonis atende demandas inadiáveis da LGPD

O CEO da CLM explica que a plataforma de segurança de dados da nova parceira agrega muito ao portfólio da companhia e em um momento propício ao atendimento de demandas urgentes da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais.

“Com a LGPD, as empresas só recentemente se deram conta da importância dos seus dados e do custo dos vazamentos, inclusive das ameaças internas. Mesmo com o adiamento da entrada em vigor da lei, a demanda pelas soluções da Varonis deve aumentar significativamente, uma vez que todos que manipulam ou armazenam dados de seus clientes precisam delas: instituições financeiras, e-commerce, varejo em geral, indústrias, seguradoras e corretoras de seguros, agências governamentais, hospitais e planos de saúde etc.,” ressalta o executivo.

Varonis protege dados contra ameaças internas e externas

Diferentemente das empresas convencionais de segurança cibernética, as soluções da Varonis protegem dados corporativos: arquivos e e-mails confidenciais; dados confidenciais de clientes, pacientes e funcionários; registros financeiros; planos estratégicos e de produtos e outras informações de propriedade intelectual.

O principal diferencial de suas soluções é a detecção de ameaças dentro da própria empresa. A Varonis Data Security Platform detecta ameaças internas e ataques cibernéticos por analisar dados, atividades das contas e comportamento do usuário; evita e limita o incidente, ao bloquear dados sensíveis e obsoletos e sustenta eficientemente uma condição segura com automação.

Camargo salienta: “Todas as empresas e organizações que tenham dados confidenciais ou de terceiros precisam conhecer o que os usuários acessam, se eles têm o direito de fazê-lo e por quê.”

·       Boa parte das ameaças à integridade dos dados das empresas vem de dentro. Colaboradores que intencionalmente ou inadvertidamente trazem malwares para a rede interna. Com a entrada em vigor da LGPD no segundo semestre de 2020 o vazamento de dados, além de ser péssimo para as organizações, pode ser punido com multas que podem chegar a 50 milhões de reais.

As soluções Varonis vão ao encontro de:

Regulamentações - as soluções da Varonis atendem todas as regulamentações relativas à proteção de dados e privacidade dos cidadãos, como o europeu GDPR, a brasileira LGPD e outras. Quanto às relativas à proteção de informações sensíveis, como as da saúde, HIPAA, PCI para cartões de crédito e outras.

Problemas com vazamento de dados - Varonis equaciona a possibilidade de vazamento de dados internos ao classificar:

·       dados quanto à sua confidencialidade, desde dados públicos até secretos

·       colaboradores quanto ao grau de confiabilidade para acessar esses dados.

Principais soluções Varonis

DatAdvantage - o DatAdvantage facilita a visualização de quem está fazendo o quê na rede. Rastreia e monitora as atividades, analisa o comportamento dos usuários e reporta todas as ações que acontecem nos servidores e NAS.

Data Classification Framework - o Data Classification Framework indica onde estão os dados de maior risco em uma corporação. Para se ter uma ideia, em média, há 50 mil pastas em um único terabyte de dados. O Data Classification Framework mostra as pastas que contêm dados sensíveis com atualização constante.

DataAlert – O DataAlert analisa automaticamente, detecta atividades suspeitas e previne violações por meio de uma análise profunda de metadados, aprendizagem automática e avançada do comportamento do usuário. Os modelos de ameaças Varonis descobrem problemas de segurança rapidamente e entregam o contexto sobre os metadados e o que realmente está acontecendo nos servidores de arquivos, de e-mail, SharePoint e Active Directory. Conta ainda com avançados alertas de comportamento que reconhecem a atividade suspeita por meio de cada estado de uma violação potencial de dados: desde o inicial reconhecimento até o furto dos dados.

DataPrivilege - o DataPrivilege economiza tempo, reduz a carga da área de TI e ajuda a tomar melhores e mensuráveis decisões sobre controle de acesso.

“Varonis é uma das soluções que empresas e governos não podem ficar sem,” finaliza o CEO da CLM.

Top stories in your inbox!