You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Como aplicar a inteligência artificial para alavancar PMEs

Como aplicar a inteligência artificial para alavancar PMEs

*Por Yago Almeida

Acredito que muitos de vocês já tenham ouvido falar ou leram em algum jornal, site ou revista sobre a chamada Inteligência Artificial. Em linhas gerais, são tecnologias que avançam a todo o momento e procuram gerar insights e encurtar caminhos para atividades do nosso dia a dia.

A proposta da Inteligência Artificial é se aliar à inteligência humana e facilitar cada vez mais a nossa vida. Quando ouvimos coisas do gênero, logo pensamos nos filmes futuristas ou que são aplicações que servem apenas para grandes empresas, não é mesmo? Mas isso não é verdade.

Como bem sabemos, a base econômica de nosso país é composta pelas pequenas e médias empresas, que dão duro e seguram de maneira exemplar a corda bamba que é empreender no Brasil. E justamente por isso, essas empresas são compostas por empresários e empreendedores cada vez mais ávidos por novidades e capazes de encontrar e implementar novas soluções.

Aqui na Olho no Carro, por exemplo, aplicamos a Inteligência Artificial para gerar nosso banco de dados e fazer com que, em poucos cliques, os clientes possam levantar todas as informações que precisam sobre determinado veículo. Também é possível aplicar a IA em programas de gestão, onde serão concentradas todas as informações de sua PME, de forma centralizada e organizada, gerando um aumento no controle de todos os processos e uma melhora na produtividade.

Além disso, já encontramos no mercado algumas PMEs que aplicam a Inteligência Artificial para atuar por meio do que antes chamávamos de “intranet”, ou seja, para criar engajamento com colaboradores internos e externos da empresa, gerando novas conexões entre áreas diversas e criando novos produtos ou serviços.

Enfim, as possibilidades são muitas e não se sinta excluído do novo mundo por ser uma pequena ou média empresa. Pesquise sobre as tecnologias disponíveis e entenda como adaptá-las ao seu negócio.

Yago Almeida é Diretor Comercial da Olho no Carro, uma startup que oferece segurança para transações de compra de veículos.