*Por Thiago Lima

Há quase 20 anos, escutamos que a área de tecnologia é uma aposta certeira para empreender. Estou em contato com o universo da programação e desenvolvimento de softwares desde os 12 anos e, em mais de uma década, pude ver muitas tendências que acabaram não vingando, e outras que se fortaleceram.

A partir das dores que notei nesta área durante este tempo, percebi que a inserção em um mercado que, segundo dados do Market Research Future(MRFR), cresce cerca que 22% ao ano, seria assertiva. O segmento de inovações IPaaS - plataforma de integração como serviço- é onde queremos nos firmar e seguimos com tudo para sermos líderes não apenas brasileiros, mas globais desta área.

Apesar dos números estarem ao nosso favor, ser um empreendedor no universo tech não requer apenas um conhecimento considerável sobre o assunto em si. Saber construir belas linhas de código não é um indicador de que você saberá gerenciar sua equipe da melhor forma. É preciso que a condução das atividades realizadas no universo offline seja tão eficiente quanto o desenvolvimento do produto no meio digital.

Elenco abaixo alguns pontos que, mesmo fora do universo das telas pretas de códigos, considero essenciais para a construção de uma carreira empreendedora ascendente no mercado de tecnologia:            

- Segmentar e focar - Percebi que havia um trauma generalizado em relação às integrações de softwares, sofrido por empresas de diversos segmentos. Isso acontece porque integrar é uma tarefa que demanda tempo e trabalho manual de uma equipe especializada. Tive como foco resolver essa dor do mercado, para assim desenvolver o melhor produto possível. Quando a empresa deixa de se preocupar em realizar essas integrações por conta própria, economiza tempo, energia e dinheiro para se dedicar ao seu negócio de fato. Poderíamos ter seguido para outras direções, mas após pensar no que estava faltando no setor e como poderíamos suprir isso, investir em uma plataforma IPaaS que atendesse as necessidades que conhecíamos, e muito, foi o caminho mais acertado;

- Crescer junto com o time - como fã e estudioso da filosofia, resolvi aplicar estes conhecimentos na minha vida empreendedora. Além disso, também ministro aulas sobre este tema para nossa equipe às sextas-feiras. É uma forma de nos unirmos mais e utilizarmos esses autores em prol de melhorarmos nossa performance coletivamente;

- Agregar os melhores parceiros - sempre procuro manter ao meu lado aqueles que querem crescer junto com a empresa. Isso parece uma tarefa básica, mas não é. Tanto na nossa equipe “C Level” quanto nos desenvolvedores preciso que todos estejam alinhados com os nossos valores e compartilhem o mesmo sonho de sermos a maior plataforma de integração do mundo. Queremos revolucionar a experiência de quem cria e de quem consome integrações e precisamos da melhor equipe para isso.      

*Thiago Lima é CEO e fundador do LinkApi, plataforma de integrações B2B que nasceu de uma dor no mercado de integração de softwares