Essenciais durante isolamento, indústrias de alimentos dos Campos Gerais ampliam protocolos de segurança

2 months ago

Por: Central Press

 

Fabricante de alimentos de origem suína, Alegra mantém produção para garantir abastecimento do mercado nacional

Como um dos serviços essenciais para a população, a produção de alimentos é um dos segmentos que não pararam em meio à crise da covid-19. As indústrias dos Campos Gerais se adaptaram no início da pandemia e seguem atentas às determinações dos órgãos oficiais para manter as atividades, garantindo o abastecimento dos supermercados.

A Alegra, produtora de alimentos de origem suína, implementou rígidos protocolos de  higienização e segurança à rotina da fábrica, como a verificação da temperatura de todos colaboradores diariamente, adoção de tapetes sanitizantes de calçados na entrada e saída da indústria, aumento do número de ônibus para o deslocamento dos colaboradores, retirada de bandejas dos refeitórios, distribuição de kits individuais de talheres, entrega de frascos individuais de álcool gel 70%, entre outros.

Com procedimentos mais rígidos de cuidados com a saúde e segurança dos colaboradores, a indústria segue em funcionamento para atender à demanda do mercado. “Como fabricantes de alimentos, somos essenciais nesta hora, por isso, ampliamos o zelo com nosso time para assegurar a manutenção da cadeia produtiva”, explica o superintendente da Alegra, Matthias Rainer Tigges.

Além disso, a Alegra suspendeu reuniões presenciais, visitas aos fornecedores, implementou o sistema de trabalho remoto para todos setores indiretos e liberou os colaboradores que estão no grupo de risco para o isolamento social. “Não estamos medindo esforços para manter a unidade segura e produtiva, e a responsabilidade é de todos”, finaliza o especialista em gestão de pessoas da Castrolanda, Ray Charlys Torres.

Sobre a Alegra

A indústria de alimentos Alegra é a união das cooperativas de origem holandesa, Frísia, Castrolanda e Capal, que constituem o grupo Unium. Uma empresa que combina condições de trabalho ideais aliando tecnologia, equipamentos de última geração, preocupação com o bem-estar dos animais e sustentabilidade em seu parque industrial, sempre primando pela excelência em seu produto final, que utiliza as melhores carnes suínas.

Em 2017, a marca conquistou o reconhecimento internacional quanto às Práticas de Bem- estar Animal no abate, tornando-se a primeira planta brasileira a receber essa certificação em bem-estar suíno, pela WQS. Mais informações em www.alegrafoods.com.br.

Comments?