You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Glebba oferece retorno de 14% a 20% com base em ativos imobiliários

Glebba oferece retorno de 14% a 20% com base em ativos imobiliários

Crowdfounding para o setor foi regulamentado em julho pela CVM e oferece retorno alto sob risco moderado

A Glebba Investimentos é uma fintech de crowdfunding imobiliário que, por meio de sua plataforma digital, leva oportunidades de investimento de pouco risco e alto retorno a investidores de todos os portes, trazendo, pela primeira vez, o tradicional setor de loteamentos para o universo da economia compartilhada.

Funciona assim: O usuário faz o cadastro no site e tem acesso a ofertas de investimento em empreendimentos variados, cuja meta de captação vai até no máximo R$ 5 milhões, respeitando as normas da CVM (Comissão de Valores Mobiliários). O mínimo que pode ser investido é R$ 1 mil, sendo que algumas ofertas partem de R$ 5 mil.
Para o loteador, é uma ótima oportunidade de descentralizar e agilizar o processo de captação. Para o público geral é uma chance de obter uma rentabilidade antes só alcançada por grandes investidores, com um risco baixo.

Todas as oportunidades de investimento têm retorno entre 14% e 20%, sendo lastreadas em um ativo real (terrenos e loteamentos) e estritamente reguladas pela CVM, com garantia de retorno de no mínimo 130% do CDI.

O mais novo lançamento da Glebba é o Canions Residence Marina, empreendimento da Luan Investimentos na cidade de Piranhas (AL). O local está se tornando um dos principais destinos turísticos do Estado. É o primeiro empreendimento de alto padrão às margens do Rio São Francisco.

A oferta, que funciona como um mini-IPO no qual os usuários podem reservar suas cotas, tem rentabilidade projetada é de 17,61% ao ano – rendendo mais do que o CDB, que oferece o maior retorno dentre os produtos de renda fixa tradicionais, a 6,71% ao ano.

Top stories in your inbox!