Happy Code lança movimento para incentivar meninas a aprenderem a programar

Equipe Polinize | 2 min read

Primeira ação do movimento Tech 4 Girls é o curso de férias Desenvolvimento Criativo

Se você observar a maioria das empresas no Brasil, principalmente as de tecnologia, verá que grande parte de quem trabalha é composta de homens. E, apesar de estarmos no século 21 e na quarta revolução industrial, ainda existe um “tabu” em relação ao ensino de programação, criação de games e aplicativos para as meninas.

“Países como o Japão, onde as mulheres nunca tiveram um papel relevante no mundo do trabalho, estão fazendo um esforço considerável para que as mulheres entrem no mercado de trabalho e da tecnologia e promovam um crescimento econômico maior”, diz a primeira mulher presidente da Câmara Americana (Amcham) no Brasil em 114 anos, Deborah Vieitas.

A Happy Code, a maior escola de programação, maker e robótica do país, entende que faz parte do seu papel mudar esse cenário para deixá-lo mais equilibrado. Por isso, lançou agora em julho o Movimento Tech4 Girls.

A primeira ação do Movimento Tech4 Girls foi a criação do curso de férias Desenvolvimento Criativo com foco no público feminino. “A nossa intenção foi fazer um curso que englobe assuntos de interesse das meninas para começar a incentivá-las a conhecer melhor esse mundo da tecnologia. Assim elas e seus pais podem descobrir que programação e tecnologia são coisas de meninas sim”, afirma Rodrigo Santos, CEO da Happy Code.

Podem participar do curso meninas de 7 a 12 anos. As inscrições estão abertas nas unidades da Happy Code em Botafogo e na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, no Tatuapé (SP), Vitória (ES) e Asa Sul (Brasília). Não é preciso ter conhecimentos de programação.

O que vão aprender?

Dividido em quatro aulas, as estudantes criarão jogos e animações de forma guiada, com o intuito de conhecer ferramentas como o Stratch 3.0 e ter contato com diversos conceitos de programação. O Scratch é uma plataforma desenvolvida no MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) e foi projetada especialmente para crianças e adolescentes.

As alunas trabalharão com o desenvolvimento de cenários, personagens, animação, movimentação, pontuação, com a programação do game.

Cursos de férias

Além do curso de Desenvolvimento Criativo, a Happy Code possui também cursos de férias de 6 horas e 20 horas para adolescentes de 5 a 14 anos.

Saiba mais sobre os cursos de férias na Happy.

Programação | 5-6 anos

Lógica de programação lúdica e intuitiva com os robôs Dash & Dot, que promove o pensamento computacional de forma divertida. No formato, STEM Camp.

Minecraft | 7-14 anos

Programação e criação de jogos com técnicas de animação para personalizar os cenários e personagens através da programação. Nos formatos STEM Camp e STEM Academy.

Roblox | 7-14 anos

Criação de personagens, cenários e diversos itens por meio do Roblox Studio. Mais do que jogar, é criar jogos dentro do Roblox. No formato, STEM Camp.

Youtuber Jr | 8-14 anos

Criação de canal, abordagem sobre direitos autorais, introdução às técnicas de manutenção e geração de conteúdo. Nos formatos STEM Camp e STEM Academy.

Maker | 7-12 anos

Criatividade e tecnologia com base no movimento Maker (faça você mesmo). Projetos funcionais com programação e robótica conectando objetos à nuvem com recursos eletrônicos. Nos formatos STEM Camp e STEM Academy.

Desenvolvimento de games | 7-14 anos

Desenvolvimento de jogos 2D com Construct: criação de fases, cenários e personagens. Programação de variáveis, funções e condições lógicas. Nos formatos STEM Camp e STEM Academy.

Share twitter/ facebook/ copy link