You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.

Home Office em tempo integral: e agora?

Em pesquisa conduzida a pedido do GoTo by LogMeIn, 53,78% dos brasileiros dizem estar bem preparados trabalhar de casa permanentemente

A LogMeIn, Inc. divulga os resultados de sua pesquisa anual encomendada pelo GoTo by LogMeIn e conduzida pela OnePoll. O levantamento mapeia os hábitos dos trabalhadores de escritório em todo o mundo, incluindo o Brasil, e foi realizado nas últimas três semanas de março. Em destaque está a implementação e capacitação de funcionários para o trabalho remoto permanente em situações de emergência, como a causada pela pandemia do novo coronavírus.

Apesar da crescente popularidade nos últimos anos, no Brasil, o home office em tempo integral ainda era realidade de apenas 10% dos trabalhadores de escritório no país no último mês, de acordo com o levantamento, que ouviu mais de 2250 pessoas em todo o mundo. Esse panorama mudou completamente quando foi declarada a quarentena obrigatória para a maioria dos brasileiros no último dia 24 de março e grande parte das empresas precisou implementar, às pressas, o home office.

Quando questionados sobre suas empresas estarem ou não fazendo um bom trabalho para preparar os funcionários para um trabalho remoto produtivo durante a quarentena, os resultados foram positivos. 78,67% dos brasileiros responderam que estavam observando esforços positivos de suas empresas e 72% atestaram que foram bem equipados com ferramentas e tecnologia para uma experiência de trabalho totalmente remota durante o período de distanciamento social.

"Na LogMeIn, há muito tempo já observamos os benefícios do trabalho remoto para permitir que os funcionários tenham horários mais flexíveis e melhor qualidade de vida, mas os resultados da pesquisa mostram que, no Brasil, essa realidade ainda se estendia apenas a uma pequena parcela dos trabalhadores de escritório", pontua Vanessa D'Angelo, Head de Marketing para a LogMeIn na América Latina. "Agora, que grande parte do mundo se voltou para o trabalho remoto em período integral em meio à pandemia da COVID-19, é um ótimo momento para observar com mais clareza as inúmeras vantagens desta forma de trabalhar".

Nem todos estavam prontos para a nova realidade, mas, de acordo com o levantamento, 53,78% dos brasileiros já se diziam bem preparados para trabalhar de casa em tempo integral – apenas 4,89% disseram se sentir um pouco inseguros.

Para mais informações sobre a família de soluções para comunicação unificada e colaboração do GoTo By LogMeIn, acesse: https://www.goto.com/pt