You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.

Pequenos negócios com CRM serão os mais preparados para a demanda da Black Friday

A Black Friday é um dos eventos mais esperados do varejo, tanto pelas empresas como pelos clientes. O que ninguém poderia imaginar era a sua importância para o ano de 2020, sobretudo para os pequenos negócios. Em alguns casos, a depender do resultado, será o momento de escolher seguir em frente ou de fechar as portas em definitivo.

Nessa conjuntura, o mais necessário a esses empreendedores é estar preparado para atender a demanda. Mesmo que a pandemia causada pelo novo coronavírus tenha impactado a economia, a expectativa segue alta. Segundo o Google, a Black Friday de 2020 será gigante.

Para ganhar ainda mais vantagens nesse cenário positivo, é fundamental conhecer a fundo o perfil dos consumidores. Talvez por esse motivo, companhias de menor porte, que já aproveitam os benefícios do CRM, sejam aquelas com maior habilidade para sobreviver em meio a um contexto tão adverso.

O CRM pode e deve ser para todos

Até hoje, no mercado, existem pessoas que percebem o CRM como uma plataforma acessível apenas para grandes empresas. Esse conceito, de uma vez por todas, e para o bem da cadeia produtiva, deve ser refutado. Isso porque, com o avanço da tecnologia, se tornou menos custoso investir em um software desse tipo.

Hoje, os pequenos empreendedores têm a vantagem de implantar um sistema de CRM completo, sem o risco de comprometer os orçamentos. Caso o ramo deles seja o e-commerce, o custo-benefício no decorrer da Black Friday será ainda maior. Isso porque a ferramenta pode indicar, por exemplo, quais clientes colocaram os produtos no carrinho e, por alguma razão, desistiram da compra no último instante ou responder de forma ágil a dúvidas sobre produtos e efetivamente converter um lead em um cliente.

Nessas circunstâncias, eles podem elaborar um e-mail marketing, e disparar uma mensagem específica para esse público-alvo. A taxa de recuperação, em média, gira em torno de 10%. Pode parecer pouco, mas em períodos de recessão, esses números fazem total diferença para se manter as contas em dia.

É crucial atender as demandas da Black Friday

O pequeno negócio que deseja ter sucesso na Black Friday necessita promover o melhor atendimento ao cliente. Antes, durante, e especialmente, após a compra. Quem aponta isso, além da área de marketing, é a psicologia. Conhecida pelo nome de regra do pico-fim, essa teoria, criada por Daniel Kahneman, vencedor do Prêmio Nobel, afirma algo que deveria ser considerado por toda empresa.

De acordo com o psicólogo, as pessoas recordam suas lembranças, negativas ou positivas, baseadas no auge e no momento final. Por isso, nada vai adiantar ter as melhores ofertas e produtos se, por acaso, a entrega for cancelada devido a alguma falta no estoque, ou se não conseguiu responder alguma dúvida de um potencial cliente sobre um produto. Só resta, portanto, a esses empreendedores, aperfeiçoar toda a operação. O que se torna muito mais simples com a utilização de um CRM.

As pequenas empresas lidam com tantos relacionamentos e um CRM pode ajudá-las a gerenciar tudo. Além de ajudar uma empresa a organizar seu funil de vendas, também pode ser usado para manter o relacionamento com os fabricantes no caminho certo.

Por outro lado, se isso não ocorrer, o prejuízo pode ser enorme. Sem dúvida, isso é tudo o que os pequenos negócios desejam evitar. Como eles bem sabem, proporcionar uma experiência de compra negativa, em algumas situações, denota perder o consumidor para sempre.

Informação - a maior aliada dos pequenos negócios durante a Black Friday

Se existem obstáculos para os pequenos negócios, também sobram oportunidades. Afinal, os consumidores estão ansiosos pelas ofertas da Black Friday. Ao menos é o que aponta a pesquisa executada pelo Instituto IPSOS. O estudo revela que 58% dos brasileiros planejam comprar algum item no próximo dia 27 de novembro, a data marcada para o segundo maior evento do varejo, atrás apenas do Natal.

É o momento que as empresas com CRM, em especial as menores, aguardavam para aproveitar toda a capacidade de entrega e gerenciamento de dados dessa ferramenta. Isso mostra quanto a informação é o principal benefício do customer relationship management para apoiar os pequenos negócios, principalmente nas últimas semanas do ano. Ao terem a percepção completa do que podem ofertar, e, sobretudo, a quem devem servir, esses empreendedores conseguem administrar melhor o fluxo de caixa e os custos.

Mesmo com tantos desafios, é importante manter o otimismo. Se esses empreendedores ultrapassarem as barreiras citadas, inerentes ao mercado, há grandes possibilidades da Black Friday ser um sucesso para eles também.

Por Jacqueline Phillips, diretora de marketing global da amoCRM

Jacqueline é redatora do Forbes Communication Council e autora de Delivered, um guia de vendas por mensagens para pequenas empresas