O Ping Pong é um bate-papo rápido para divulgar iniciativas educacionais no Polinize! Essa publicação tem como objetivo aproximar as melhores empresas de educação do mercado.

Entrevistado: Leo Gmeiner, Founder e CEO do Filho sem Fila

Polinize – Qual é o grande objetivo de vocês ?
Leo Gmeiner – Manter alunos e pais mais seguros, ao mesmo tempo em que diminuímos o trânsito no entorno das escolas.

Polinize – Qual problema vocês identificaram e buscam resolver?
Leo Gmeiner – Perda de tempo e falta de segurança na saída de alunos.

Polinize – Qual é o modelo de negócio de vocês? Quanto custa o serviço/produto?
Leo Gmeiner – É um software por assinatura que custa R$ 1,20/aluno/mês.

Polinize – Qual é o perfil dos clientes que procuram vocês?
Leo Gmeiner – Escolas particulares.

Polinize – Quais são os seus principais diferenciais em relação à concorrência?
Leo Gmeiner – Além do pioneirismo, temos um sistema realmente funcional, estável e seguro, que entrega cercas virtuais múltiplas, acompanhamento de aulas extra-curriculares, gestão de autorizações, integrações com diversas soluções complementares.

Polinize – Vocês estão no mercado desde quando? Quais foram os principais desafios até o momento?
Leo Gmeiner – Final de 2013. Por ser um produto inédito, oferecida por uma empresa com experiência no mercado corporativo, mas não no educacional, o primeiro grande desafio foi provar que a solução realmente funcionava.

Polinize – Quais são as metas para os próximos anos?
Leo Gmeiner – Consolidar o mercado brasileiro e crescer nos US e LatAm.