You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Plataforma de Negócios coloca PMEs no mundo digital

Plataforma de Negócios coloca PMEs no mundo digital

Associação Brasileira de Automação lança plataforma online para facilitar o networking como alternativa de ampliar canais de vendas

Uma nova oportunidade para pequenas e médias empresas surge com a nova Plataforma de Negócios lançada pela Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil. Disponível para as 58 mil empresas associadas, a plataforma online facilita o networking e a ampliação dos canais de vendas neste momento em que empresários buscam a diversificação. A ideia da entidade é aproximar as indústrias – principalmente as de pequeno porte – do varejo físico e online. “Queremos ser um facilitador dessa primeira fase do ciclo de vida das empresas que ainda não tiveram experiência de exposição comercial pela internet; assim elas terão oportunidade de se expandir para novos mercados e canais de vendas”, afirma João Carlos de Oliveira, presidente da Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil.

A Plataforma de Negócios da GS1 Brasil tem 50 categorias de produtos no total, que se dividem entre vários setores da economia como alimentos e bebidas, saúde, perfumaria, papelaria, calçados, vestuário, itens para casa, eletroeletrônicos, ferramentas e construção, pet, jardinagem, limpeza e outros. As empresas interessadas em fazer parte da plataforma se inscrevem e recebem orientações de como iniciar o processo para expor. Elas devem ser associadas à entidade e, quando ingressam na plataforma, incluem seu portfólio em arquivo para ser baixado pelos interessados. Outra característica é que é possível às empresas serem percebidas tanto por distribuidores e varejistas quanto diretamente pelo público consumidor, num modelo híbrido B2B e B2C. O projeto foi desenvolvido em apenas 45 dias e teve como ponto de partida as dificuldades identificadas em um levantamento que a entidade realiza com seus associados desde o início do isolamento social.

As maiores dificuldades enfrentadas pelas empresas entrevistadas no levantamento são a redução no faturamento e a necessidade de diversificar os negócios para se adaptar à nova realidade. Portanto, supermercados, marketplaces, e-commerce, distribuidores e representantes comerciais que têm interesse em ampliar seu relacionamento com a indústria têm na Plataforma de Negócios um novo canal. “O importante é nossa associação impulsionar novos negócios e dar visibilidade aos parceiros neste ano tão atípico”, explica Oliveira. No momento em que a plataforma começou a ser divulgada como nova oportunidade às empresas, mais de 300 se mostraram interessadas em fazer parte e até o momento boa parcela delas já cumpriu os requisitos e está expondo sua marca. O acesso para visualizar essas empresas é aberto a qualquer pessoa pelo link www.plataformadenegocios.gs1br.org.

Cadastro de produtos – Além do novo canal de relacionamento, as empresas contam com o Cadastro Nacional de Produtos, um banco de dados disponível pela Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil. O CNP proporciona à indústria o cadastro das informações técnicas de seus produtos para transações comerciais e logísticas como, por exemplo, descrição de item, marca, imagem do produto, peso e volume. É um método que confere padrão único para os dados, o que evita a formação de cadastros múltiplos, sem padronização, que provocam ineficiências de processo e duplicidade de informações, entre outras inconsistências que prejudicam todo o planejamento logístico. Com isso, todo fabricante, mesmo os de pequeno porte, iniciam a identificação do portfólio com padrão global e se tornam aptos para fornecer a grandes redes varejistas.

Top stories in your inbox!