You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Pro League de CS:GO terá partidas no estúdio ao vivo em 2019

Pro League de CS:GO terá partidas no estúdio ao vivo em 2019

A ESL e WESA revelam os detalhes dos próximos anos da Pro League de Counter-Strike: Global Offensive (CS:GO), a mais antiga liga profissional de CS:GO da história. A Pro League de CS:GO voltará com um novo formato de partidas no estúdio ao vivo, terá esquemas de grupos e aumentará para 16 o número de equipes nas regiões da Europa, Américas e Ásia-Pacífico. O novo formato vai permitir que a liga se torne ainda mais competitiva, além de enfatizar a importância de cada partida para a qualificação que leva às finais da temporada.

Começando em 12 de abril de 2019, na nona temporada da Pro League de CS:GO, as três regiões competirão em quatro grupos compostos por quatro equipes, que são pré-organizadas com base no Ranking Mundial de CS:GOda ESL. As partidas do grupo na Europa e na América serão realizadas em um servidor offline no estúdio da ESL em Leicester, no Reino Unido, e em um estúdio adicional nos Estados Unidos, que será anunciado futuramente. Os jogos do grupo Ásia-Pacífico permanecerão inalterados por enquanto, sendo jogados online.

Os slots confirmados por região são os seguintes:

- Europa: quatro grupos do continente

- Américas: três grupos da América do Norte, um grupo da América Latina

- Ásia-Pacífico: dois grupos da Austrália/Nova Zelândia, um grupo da Grande China, um grupo do sudeste da Ásia

Apenas os vencedores dos grupos europeus e americanos receberão uma vaga direta nas finais da temporada – as quais serão disputadas ao vivo e com plateia. As equipes cujos grupos terminarem em segundo ou terceiro lugar seguirão para a segunda fase de grupos. Dentro da região da Ásia-Pacífico, os vencedores e vice-campeões terão a chance de garantir uma das vagas da segunda fase de grupos.

Durante a etapa do segundo grupo, as equipes europeias têm de alcançar o primeiro ou segundo lugar para jogar nas finais da temporada, enquanto apenas os vencedores das regiões da América e Ásia-Pacífico terão a oportunidade de avançar no torneio. O novo formato será concluído após um máximo de quatro semanas agitadas de esports, permitindo que os jogadores e as equipes se concentrem na Pro League de CS:GO por um curto período de tempo dentro do expressivo ecossistema de CS:GO.

“A Pro League de CS: GO vem agora com um novo formato com partidas no estúdio ao vivo na Europa e na América do Norte, oferecendo para mais equipes a chance de ganhar um dos pontos cobiçados na liga mais difícil de CS:GO até o momento”, comemora Ulrich Schulze, Vice-Presidente Sênior da ESL. “Queremos oferecer aos jogadores, às equipes e aos fãs apaixonados por CS:GO em todo o mundo a melhor experiência possível - esports do modo mais puro.”

“O objetivo da WESA era levar a Pro League para o próximo nível. Com o grande sucesso comercial e competitivo dos últimos anos, estamos agradecidos por estarmos em posição de investir para melhorar ainda mais a Pro League. Queremos torná-la mais atrativa para usuários e jogadores que manifestaram interesse em melhorar o cronograma, a fim de ter mais tempo para se preparar para os jogos ”, diz Pietro Fringuelli, Comissário da WESA. “Com a nova produção de alta qualidade em locais offline, assim como o novo formato da liga, estamos confiantes de que os jogos se tornarão ainda mais envolventes e competitivos do que nunca.”

“Em suas duas últimas edições, a região da América Latina, teve seus representantes definidos através da La League, liga organizada pela ESL Brasil e operada pela holding de entretenimento BBL, Bad Boy Leeroy. A liga, que teve como campeã a equipe da Sharks Esports, deverá novamente definir os próximos vencedores que poderão participar deste evento de altíssimo nível internacional em 2019. Ficamos muito felizes com os resultados da competição e da participação de nossos campeões nos palcos mundiais”, comenta Leo De Biase, CEO da ESL Brasil e Founder & Partner da BBL.

Em 2019, as finais da temporada da Pro League de CS:GO contarão com as 16 melhores equipes internacionais (oito da Europa, seis da América, duas da Ásia-Pacífico) que competirão durante a temporada. Desde a sua criação em 2015, a Pro League de CS:GO tem crescido a cada temporada com alguns recordes de audiência online e presença em eventos ao vivo. Para mais informações sobre a Pro League de CS:GO, por favor visite o site oficial. Certifique-se de seguir a ESL CS no Twitter, Facebook e Instagram para as atualizações mais recentes.  Confira o link da nona temporada da Pro League de CS:GO:  https://www.youtube.com/watch?v=w1caI5Dsoh4&feature=youtu.be

Para ficar por dentro das últimas notícias, siga a ESL Brasil nas principais redes sociais e visite https://www.eslgaming.com/.

Top stories in your inbox!