You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.

Startup de vinhos aposta em tecnologia Bag-In-Box para impulsionar consumo da bebida no Brasil

Fabenne inova com embalagem eco friendly, que preserva qualidade do produto por um mês e disponibiliza para venda online os vinhos tintos, brancos e rosé

Foto: Divulgação

“O vinho da casa e de todo dia”. É com esse posicionamento que os empreendedores Adriano Santucci, Arthur Garutti e Thiago Santucci fundaram em 2017, a Fabenne: primeira startup de vinhos brasileira a oferecer a bebida com tecnologia bag-in-box, eco friendly, fácil de manusear e que pode ser adquirida pelos amantes da bebida por um preço acessível. Em parceria com a cooperativa Vinícola São João, eles desenvolveram a embalagem ecológica que contém três litros de vinho e preserva a qualidade do produto por até um mês depois de aberto. Hoje, a empresa disponibiliza três varietais: Cabernet Sauvignon (tinto), Moscato Giallo (branco) e Rosé (com uvas Malvasia e Cabernet Sauvignon).

Ainda pouco conhecida no Brasil, a tecnologia bag-in-box é uma realidade em países como EUA, França, Portugal e Austrália, por exemplo. As principais vantagens desse formato são a manutenção da qualidade do vinho por até 30 dias depois de aberto, além de uma excelente relação custo e benefício.

“O vinho em caixa chega a ser 50% mais econômico do que vinhos finos em garrafa da mesma qualidade. Queremos mostrar ao brasileiro que vinho é uma bebida para ser consumida no dia-a-dia e que não é preciso regras ou ocasião para aproveitar um copo ou uma boa taça de Fabenne”, explica o CEO e cofundador da startup, Adriano Santucci.

O formato bag-in-box conserva o vinho a vácuo, o que garante a qualidade dias depois de aberto. Apenas uma caixa de Fabenne equivale o que corresponde há 4 garrafas de vinho ou 20 taças da bebida. A “caixinha” facilita todo o processo de manuseio e armazenagem do produto, por não envolver vidro, oferece economia em valor e tempo de serviço para o consumidor.

Para além da taça, os especialistas da empresa recomendam o consumo da bebida em drinks, como uma releitura com vinho tinto da conhecida Sangria e também como ingredientes de pratos - eles indicam especialmente o Risoto Al Funghi e o Bovette ao Ragu de Bovino. O serviço da Fabenne  conta com uma equipe de consultores, chefs e bartenders que dão dicas de preparo de refeições, harmonizações e receitas de coquetéis.

Essas e outras sugestões podem ser encontradas nos mais de 200 estabelecimentos, entre bares e restaurantes, que oferecem Fabenne, como o premiado SubAstor (Vila Madalena); Mauli Bowls (Itaim Bibi), da influenciadora Gabriela Pugliese; o VAR bar (Vila Mariana), do humorista Alfinete; NOU e Le Jazz (Pinheiros) e Pecorino (Jardins).

As bebidas estão disponíveis para compras online com descontos de até 20% no  site da marca e também na Amazon, uma das principais plataformas de varejo do mundo.


Sobre a Fabenne:

A Fabenne é a primeira startup de vinhos a oferecer a bebida com tecnologia bag-in-box, eco friendly, fácil de manusear por não conter vidro e preserva a qualidade do produto por até um mês depois de aberto. Além disso, cada caixinha contém 3 litros, o que equivale a quatro garrafas convencionais ou 20 taças. São três opções do produto nas versões tinto (Cabernet Sauvignon), branco (Moscato) e Rose (Malvasia e Cabernet Sauvignon) vendidas via e-commerce da marca. Acesse fabenne.com e saiba mais.

Top stories in your inbox!