Stefanini debate principais características da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) no Nordeste

3 months ago

As empresas têm até agosto de 2020 para se adequarem à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que regulamenta o uso, a proteção e a transparência de dados pessoais no Brasil. Porém, segundo uma pesquisa da Serasa Experian, 73% das empresas acreditam que a nova regulamentação deve causar algum impacto na atual infraestrutura de tecnologia de informação, sendo que 85% afirmam não estar preparadas para novas regras.

Apoiando as grandes organizações diante deste cenário, a Stefanini, uma das mais importantes provedoras globais de soluções de negócios baseadas em tecnologia, realiza o LGPD Roadshow nos dias 3 de setembro, em Recife (PE), e dia 4 de setembro em Fortaleza (CE). Marco Aurélio Peres, Head de IA e Analytics da multinacional brasileira, será responsável pela apresentação do tema, juntamente com as equipes de relacionamento com os clientes locais, para debater aspectos práticos para atender às novas regras.

“O propósito original da LGPD é aplicar mais organização e seriedade à utilização de dados de pessoas naturais pelas empresas de direito público ou privada, trazendo a estas companhias uma série de exigências de governança, transparência, segurança, entre outras”, comenta Marco Aurélio.

Para auxiliar as empresas na adequação à Lei Geral de Proteção de Dados, a Stefanini lançou recentemente sua solução LGPD, que contempla uma série de projetos de conscientização via workshops para organizações públicas e privadas. O objetivo é conscientizá-las sobre questões sensíveis como coleta de dados do titular, termo de consentimento, proteção, acesso, anonimização, qualidade, transparência, tratamento, segurança e prestação de contas ao Governo, a qualquer hora.

Eline Menezes

Published 3 months ago