You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Trybe oferece Mega Hack Women, maratona de programação dedicada à mulheres

Trybe oferece Mega Hack Women, maratona de programação dedicada à mulheres

Facilitado pela Shawee, o  objetivo do evento é  fortalecer a presença de mulheres no setor de tecnologia tornando o ecossistema inclusivo dentro e fora das corporações

Criar um espaço inclusivo virou um ponto primordial para as empresas que querem crescer e, muitas delas já compreenderam que é possível fazer isso por meio da inovação. Com o objetivo de incentivar a participação feminina nos Hackathons e aumentar a porcentagem de mulheres dentro da área de TI, a Trybe, escola focada na formação em desenvolvimento de software, e a Shawee,  empresa especializada em hackathons, irão promover, entre os dias 28 de agosto e 16 de setembro, o Mega Hack Women, evento dedicado à mulheres, que tem o objetivo de incentivar o ingresso delas  no mercado de tecnologia.

Segundo dados do IBGE, apenas 20% dos profissionais de TI são do sexo feminino.  E, em média, 34% delas ganham menos que os homens inseridos neste mesmo mercado. “O setor de tecnologia é um dos que mais crescem e deve chegar a mais de 420 mil novos profissionais em 2024. Por isso, queremos contribuir para um ambiente diverso e  inclusivo, onde as mulheres têm espaço para mostrar seu potencial”, comenta Matheus Goyas, CEO e fundador da Trybe.

De acordo com o empreendedor, o objetivo é reunir mulheres de diferentes áreas para desenvolver a criatividade e o trabalho em grupo, além de trazer diferentes perspectivas para o mercado.

O evento espera atrair cerca de  4 mil  participantes. E, para que isso ocorra, irá promover, antes e durante o hackathon, lives com palestras sobre tecnologia, produto, design e negócios. Além disso, as mentorias  serão realizadas por mulheres.

O evento é gratuito e será dividido em quatro etapas: formação de equipe; desenvolvimento - onde as mulheres começam a colocar a mão na massa e terão 09 dias para pensar, desenvolver e apresentar um projeto e um pitch no final; assessoria - que contará com diversas especialistas no setor prestando mentorias e avaliação, onde serão apresentados os projetos finais.

As inscrições vão até o dia 27 de agosto e devem ser feitas no link: https://bit.ly/2P9BkFk.

Ao final do hackathon, serão selecionadas as campeãs e distribuídos R$35.000,00 em prêmios no total. O evento é facilitado pela Shawee e, além da Trybe, conta com o apoio das fintechs Linker e Conta Black - fundada por mulheres e que também estarão participando da programação - além de empresas como Globo, Vtex, Banco BMG e SEBRAE.

Para mais informações acesse: https://bit.ly/33bn8nC.

Sobre a Trybe:

Fundada em agosto de 2019, a Trybe é uma escola que se compromete integralmente com o sucesso de seus estudantes e é referência em formação para desenvolvimento web, uma das profissões digitais mais procuradas pelo mercado. Entre os diferenciais da escola está o programa com duração de 12 meses e seis horas de aula por dia, que conta com uma série de desafios práticos para potencializar a formação dos estudantes e prepará-los para o mundo real. Além disso, a Trybe oferece o Modelo de Sucesso Compartilhado (MSC), em que a pessoa não precisa pagar nada até conseguir um trabalho que ofereça uma renda mínima. Atualmente, a escola está presente nas cidades de Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Itajubá (MG) e Florianópolis (SC) e oferece também uma modalidade 100% online.

Top stories in your inbox!