You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.
Como a Pipefy se tornou a 6ª PME mais amada do Brasil?

Como a Pipefy se tornou a 6ª PME mais amada do Brasil?

Implementação de cultura da empresa é estratégia para manter time satisfeito e engajado

Recém-eleita a 6ª PME mais amada do Brasil, segundo ranking divulgado pela Love Mondays, no qual os próprios colaboradores avaliam a empresa onde trabalham, a Pipefy se tornou exemplo não só de sucesso global, mas de um time qualificado e satisfeito. Preocupada em garantir um ambiente agradável e promissor aos colaboradores, a empresa segue preceitos básicos de cultura corporativa para estimular a assertividade da equipe, a exemplos da franqueza radical (radical candor, em inglês) e da capacidade de keep it simple, ou “ir direto ao ponto”, promovidos internamente.

De acordo com pesquisa realizada pela Mind Miners, 39% dos jovens preferem trabalhar em empresas de tecnologia, como é o caso da Pipefy, uma plataforma de SaaS (Software as a Service – Software como Serviço) em nuvem, capaz de gerenciar os mais diferentes tipos de processo. Mais do que isso, o estudo ainda indica que o desejo em fazer parte do quadro de funcionários de um startup só perde para vontade de empreender. Por essa razão, a união desse do modelo de negócio à tecnologia tem atraído jovens de todos os cantos do país e do mundo. Hoje, profissionais dos Estados Unidos, Nicarágua e Venezuela trabalham na startup.

Atenta a essa realidade, a Pipefy investe na contratação dos profissionais mais conceituados do mercado e, uma vez ao ano, abre inscrições para um dos maiores programas de trainee do Brasil, o Young Guns, que busca universitários ou recém-formados para passar um ano trabalhando na empresa. Ao término do programa, aquele que mais se destacar tem a oportunidade de ficar um mês na sede americana da startup.

A possibilidade de trabalhar no Vale do Silício não é o único atrativo que tem levado tantos jovens para a Pipefy. A cultura promovida na empresa, com uma área destinada exclusivamente a isso, é de interação, descontração e pautada por valores como confiabilidade, humildade para evoluir e vontade de gerar resultados que transformem o mundo em que vivem.

Com ambiente moderno e integrador, digno do universo das startups, a Pipefy oferece ainda benefícios como plano de saúde, plano odontológico, horários flexíveis, parceria com o Gympass, vale refeição ou alimentação, apoio financeiro para aulas de inglês, seguro de vida e vale transporte, além de inúmeros desafios de desenvolvimento profissional para seus 145 funcionários.

Fundador e CEO da Pipefy, Alessio Alionço afirma que é importante criar uma solução original e que atenda diversos públicos. “Nós temos uma versão gratuita e acessível para todas as pessoas. Acreditamos que podemos fazer a diferença para organizações de todos os tamanhos, em que a mesma tecnologia usada por empresas gigantes esteja também acessível para os pequenos empreendedores que querem expandir com a certeza de estarem utilizando os melhores recursos”, explica.

Atraídos pela plataforma capaz de otimizar tempo, prevenir falhas, reduzir custos, dividir e priorizar tarefas, gigantes como o McDonald’s, Unilever e Ambev usam a plataforma em suas tarefas diárias. “O objetivo agora é tornar a Pipefy solução padrão para quem busca melhor controlar, agilizar e gerenciar negócios. Nossa meta é criar uma das melhores e mais competitivas empresas de tecnologia do mundo e vamos continuar expandindo nossa missão. Não apenas impactar centenas de gerentes, mas, sim, milhares de gestores ao redor do mundo”, finaliza o CEO.

Sobre a Pipefy

A Pipefy é a principal plataforma de gestão baseada na metodologia Lean, capaz de auxiliar qualquer pessoa a ter total controle do seu trabalho, em áreas como Marketing, Finanças, Recursos Humanos, Atendimento ao Cliente e Vendas. A ferramenta oferece os benefícios comprovados do gerenciamento Lean, incluindo maior agilidade, eficiência aprimorada e resultados de alta qualidade.

Em 2018, a startup levantou US$ 16 milhões em sua rodada de investimentos Série A, encabeçada pela OpenView Partners, firma de venture capital focada em empresas em fase de expansão, além da Trinity Ventures. A Redpoint Ventures e a Valor Capital, que já haviam investido na plataforma, também participaram da rodada. Outros investidores da companhia são a 500 Startups, o Founders Fund (do fundador do Paypal, Peter Thiel) e os fundadores da Zendesk, Morten Primdahl e Alexander Aghassipour. Os fundos estão sendo utilizados para escalar as operações da empresa à medida que a Pipefy expande suas equipes tanto em São Francisco como no Brasil.

Top stories in your inbox!