Lighthouse investe em startups do setor varejista

by Fabiele Fortaleza | 2 min read

Com intenção de movimentar o comércio baiano, o apoio visa também aumentar a qualidade dos serviços prestados pelas duas empresas

A Lighthouse, empresa nacional que incentiva e investe em empreendimentos inovadores, anuncia aporte feito em duas startups baianas com atuação no setor de varejo: a POS CONTROLE, fintech voltada a automação de serviços de PDV móvel para varejistas, e o Catálogo Delivery, solução dedicada ao comércio de alimentos e outras especificidades, como papelaria, água e gás, conveniência, saúde, cosméticos, serviços de pet.

"Investimos nessas empresas porque reconhecemos o seu potencial de crescimento e expansão. Além disso, estimular o setor varejista impulsiona a economia, ainda muito carente em soluções inovadoras para o setor", afirma Christian Dunce, Sócio da Lighthouse.

Disponível para smartphones iOS e Android, o Catálogo Delivery é um aplicativo gratuito de comércio eletrônico, que destaca ofertas e promoções de restaurantes, mercados e lojas do varejo dos municípios de Luís Eduardo Magalhães e Formosa. Com o investimento da Lighthouse, a atuação está sendo expandida para Barreiras e Eunápolis, além de Candeias, cidades iniciais, escolhidas para a oferta da solução.

"A parceria com a Lighthouse nos permitiu diversificar e expandir o serviço de delivery no interior baiano para entregas em 10 setores diferentes. Com um time próprio de motoboys, o Catálogo Delivery também contribui para o crescimento da economia local, por meio da geração de empregos", diz Patrick Cardoso, Diretor do Catálogo Delivery. "Há poucos meses tínhamos apenas quatro entregadores, hoje, temos mais de 30", completa.

A fintech POS CONTROLE, por sua vez, atua em todo o Brasil e funciona como um PDV móvel, que facilita e reduz os custos da operação de pequenas empresas do setor de varejo. A solução automatiza o processo de venda, dispensando o uso de equipamentos como computadores, monitores e impressoras. O equipamento permite a emissão de NFC-e e integração a um software de gestão ou ERP, gerando painéis automatizados de gerenciamento dos negócios, com relatórios que podem ser visualizados no próprio dispositivo ou via Web.

"Queremos aumentar a visibilidade da POS CONTROLE e torná-la mais conhecida em todos os estados brasileiros. Com o apoio da Lighthouse, ganhamos mais espaço como uma ferramenta de automação para as pequenas empresas varejistas do nosso País", explica Emerson Barreto, líder da POS CONTROLE.

A Lighthouse, como um canal de incentivo ao empreendedorismo, permite que as empresas tenham acesso a tecnologias de ponta e, com isso, mais oportunidade de crescimento. Hoje, a organização também contribui para o desenvolvimento de soluções como a Dr. Farm, startup que oferece serviços de monitoramento e controle de pragas e doenças para produtores agrícolas. Fomenta, ainda, os negócios da NBio Tecnologia, fornecedora de soluções tecnológicas para saúde animal. "Para os próximos anos, nosso objetivo é continuar incentivando novos empreendimentos inovadores e disruptivos, de diversos setores de atuação", afirma Dunce.

Share twitter/ facebook/ copy link