You've successfully subscribed to Polinize
Great! Next, complete checkout for full access to Polinize
Welcome back! You've successfully signed in
Success! Your account is fully activated, you now have access to all content.

Colégio Positivo promove semana de combate às fake news sobre Covid-19

Instituição de ensino convoca mais de 2,6 mil alunos para uma série de ações para discutir a proliferação de informações falsas em meio à pandemia

Com o objetivo de ajudar no combate às fake news, o Colégio Positivo promove uma semana inteira com diversas ações para alertar estudantes e familiares sobre a capacidade de proliferação das informações falsas em meio à pandemia do novo coronavírus. Na próxima segunda-feira (18), às 17h, a instituição realiza uma live nas redes sociais com o tema “Efeitos das fake news em época de pandemia”. A transmissão conta com a participação da assessora pedagógica de Redação do CIPP (Centro de Inovação Pedagógica, Pesquisa e Desenvolvimento), Candice de Almeida, do assessor de História do CIPP, André Marcos Silva, e do professor do curso de Jornalismo da Universidade Positivo, supervisor de Jornalismo da BandNews FM Curitiba e doutorando de Ciências da Informação, na Universidade Fernando Pessoa, em Porto, Portugal, Felipe Harmata. Aberta à comunidade, a live pode ser acessada pelo Facebook do Colégio Positivo (facebook.com/ColegioPositivo.Oficial/).

“A live vai abrir uma semana de debates com os alunos do Ensino Médio, nos quais discutiremos os efeitos da desinformação, principalmente em tempos apocalípticos como este que vivemos, pois muitas vezes, algumas mentiras compartilhadas vão da ameaça à democracia ao risco de morte”, explica Candice.

Outra ação que prevê o combate à desinformação é o lançamento da websérie “Mitos e verdades”, que traz a Covid-19 como seu primeiro tema. Com episódios de até cinco minutos, divulgados semanalmente, às terças e quintas, no YouTube do Colégio Positivo, a websérie conta com a participação de professores que vão esclarecer, nesta primeira temporada, dúvidas a respeito da pandemia. O tema será abordado também na redação avaliativa da 2a série do Ensino Médio de todas as unidades do Colégio Positivo, nos Estados do Paraná e Santa Catarina.

Desinfodemia

Com tantas informações falsas a respeito da pandemia, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) definiu o termo “desinfodemia” como "desinformação básica sobre a doença de Covid-19". Uma pesquisa realizada pela Avaaz aponta que cerca de 100 milhões de brasileiros - sete em cada dez internautas - acredita em ao menos uma notícia falsa a respeito da pandemia.

Sobre o Colégio Positivo

O Colégio Positivo compreende oito unidades na cidade de Curitiba, onde nasceu e desenvolveu o modelo de ensino levado a todo o país e ao exterior. O Colégio Positivo - Júnior, o Colégio Positivo - Jardim Ambiental, o Colégio Positivo -  Ângelo Sampaio, o Colégio Positivo - Hauer, o Colégio Positivo - Internacional, o Colégio Positivo - Água Verde, o Colégio Positivo - Boa Vista e o Colégio Positivo - Batel atendem alunos da Educação Infantil ao Ensino Médio, sempre combinando tecnologia aplicada à Educação, material didático atualizado e professores qualificados, com o compromisso de formar cidadãos conscientes e solidários. Em 2016, o grupo chegou em Santa Catarina - onde hoje fica o Colégio Positivo - Joinville e o Colégio Positivo - Joinville Jr. Em 2017, foi incorporado ao grupo o Colégio Positivo – Santa Maria, em Londrina (PR). Em 2018, o Positivo chegou a Ponta Grossa (PR), onde hoje está o Colégio Positivo - Master. Em 2019, somaram-se ao Grupo duas unidades da escola Passo Certo, em Cascavel (PR), e o Colégio Semeador, em Foz do Iguaçu (PR).

Top stories in your inbox!